Lembre-se sempre que as informações da sua empresa são muito importantes, pois você pode ter demorado semanas, meses ou até anos para conseguir juntar uma quantidade razoável de informações sobre seus produtos, clientes, insumos, etc.


Se seu micro for roubado, você compra outro. Se seu micro apresentar defeito você o manda para a manutenção. Mas se você perder seus dados, poderá demorar muito tempo até alimentá-los novamente no sistema, por isso é muito importante que periodicamente (se possível diariamente) você faça um backup do banco de dados do Hipercusto e guarde-o em local seguro.


Quando a empresa possui uma área de T.I. ou um centro de processamento de dados, geralmente é responsabilidade desse setor cuidar para que as informações dos usuários sejam mantidas em local seguro e possam ser facilmente recuperadas no caso de problemas mas, se a empresa não possui um departamento de T.I. cabe ao próprio usuário a responsabilidade por efetuar uma cópia de segurança das suas informações.


Para auxiliar no operação de backup, o Hipercusto possui um módulo que permite tanto realizar cópia de segurança apenas do banco de dados com de quaisquer arquivos que estejam armazenados no micro do usuário. Este módulo possui as seguintes páginas:


Cópia banco de dados (backup)

Esta página deve ser utilizada para efetuar uma cópia de segurança do banco de dados do sistema. Esta tela você é composta por duas abas:


  • Destino do backup: Nesta aba você define os dados básicos da cópia de segurança e é composta pelos seguintes campos:
    • Pasta onde o backup deverá ser criado: é o local (pasta ou diretório) onde o arquivo de backup deve ser armazenado. O ideal é que este "local" esteja em um disco ou micro diferente de onde estão armazenados os bancos de dados. Você pode informar o nome da pasta diretamente ou clicar no botão  para pesquisar o local onde o backup deve ser armazenado. Se você pretende executar todos os backups sempre na mesma pasta, você poderá clicar no botão  para definir o local informado como padrão para os backups.
    • Nome do arquivo de backup: neste campo deve ser informado o nome do arquivo de backup que deverá ser criado. O Hipercusto já preenche este campo com um nome representando o dia e horário em que o backup foi efetuado, mas você poderá modificá-lo se necessário.
    • Copiar apenas o banco de dados selecionado: selecionando esta opção o sistema efetuará o backup apenas o banco de dados que está sendo utilizado no momento.
    • Copiar todos os bancos de dados armazenados do servidor: selecionando esta opção além de efetuar o backup do banco de dados que está sendo utilizado no momento o sistema também fará o backup dos demais bancos de dados do Hipercusto registrados no servidor (no caso da versão ser a multiusuário e multiempresas).


  • Configurações adicionais: Aqui você poderá configurar outras opções da cópia de segurança. Para a maioria dos usuários você não precisa se preocupar com as opções dessa aba, que é composta pelos seguintes campos:
    • Criptografar a cópia com a senha: ativando esta opção o backup gerado será criptografado (protegido) pela senha informada no campo ao lado desta opção. Se um dia você necessitar restaurar a cópia de segurança você precisará informar esta senha para que ele possa ser restaurado. O Hipercusto permite gerar os arquivos criptografados de acordo com os seguintes padrões:
      • Padrão: criptografa os arquivos de acordo com o padrão do formato ZIP e é compatível com a maioria dos programas de compactação disponíveis no mercado.
      • AES 128: criptografa os arquivos de acordo com o padrão AES (Advanced Encryption Standard) utilizando chaves de 128 bits.
      • AES 192: similar a opção acima, porém usa chaves de 192 bits.
      • AES 256: similar a AES 128, porém usa chaves de 256 bits.
  • Incluir arquivo de auditoria: o arquivo de auditoria pode ser dos maiores arquivos do sistema e sua única finalidade é registrar as operações realizadas pelos usuários do sistema. Quando você enviar o backup para um servidor externo (opção anterior) ou se pretende gravar o backup em um pen-drive ou CD com pouca capacidade de armazenamento, você pode solicitar que o arquivo de auditoria não seja copiado, fazendo com que o backup se torne um pouco menor. Para isso, basta desmarcar essa opção (sempre que possível deixe essa opção ativa).
  • Incluir imagens: marque essa opção para que os bancos de dados com as imagens dos produtos, semiacabados e matérias-primas também sejam incluídos no backup. Se você desmarcar essa opção as imagens não serão incluídas no backup e assim a operação de backup será mais rápida. Só desmarque essa opção se você não modifica as imagens com frequência e assim fazer um backup mensal das imagens já é suficiente.
  • Incluir índices: se você desmarcar essa opção os arquivos quem mantém as ordenações das tabelas não serão incluídos no backup, o que gerará arquivos ainda menores mas, em compensação, se houver necessidade de restaurar um backup a operação de recuperação dos dados será mais demorada pois o Hipercusto deverá reconstruir os índices dos arquivos.
  • Nível de compressão: a cópia de segurança pode ser compactada (no padrão ZIP) o que fará com que ela ocupe menos espaço em disco. Os níveis de compressão possíveis são:
    • Máximo: nível máximo de compressão mas pode ser um pouco demorado na operação de backup.
    • Médio: nível médio de compressão, oferece bom nível de compactação e boa velocidade na compressão dos dados.
    • Mínimo: nível mínimo de compressão mas com excelente velocidade.
    • Não Compactar: não efetua nenhuma compressão nos dados.


Após ter fornecido as informações acima, basta clicar no botão "Iniciar a cópia de segurança" para iniciar o backup ou então no botão "Retornar ao menu do Hipercusto" para retornar ao menu do sistema.



  • Você pode utilizar esta opção de backup mesmo que outros usuários estejam utilizando o sistema, pois ele tem a capacidade de efetuar o backup "à quente", isto é, não exige que o servidor seja interrompido ou que os demais usuários saiam do sistema.
  • Durante o processo de backup o banco de dados são copiados para uma pasta temporária na sua estação antes de ser compactado, o que pode ser um procedimento um pouco demorado se seu banco de dados possuir milhares de registros ou se sua rede estiver sobrecarregada.
  • A pasta onde o backup está sendo efetuado precisa ter, de espaço livre, duas vezes o espaço ocupado pelo banco de dados no servidor para que este possa ser executado corretamente.
  • Guarde seus backups em local seguro e nunca realize suas cópias de segurança no mesmo disco onde está o banco de dados pois, se um dia esse disco apresentar problemas você perderá tanto os seus dados quanto o seu backup.
  • Se você pretende criptografar o backup, tenha muito cuidado na digitação da senha de criptografia. Procure memorizá-la corretamente ou então anotá-la em local seguro pois, se você a esquecer não conseguir lembrá-la, não conseguirá recuperar o backup quando necessário. Não adianta entrar em contato com nosso suporte ao usuário se você esquecer a senha pois a nossa equipe técnica não tem condições de descobrir a senha que foi digitada.
  • Desative o backup do arquivo de auditoria somente se for realmente necessário pois, apesar deste arquivo não ser importante para o funcionamento do sistema, ele poderá ser muito útil para descobrir erros de operação ou, ainda, quais as operações que estão sendo executadas pelos usuários.
  • A extensão padrão do backup do Hipercusto é .BKB e poderá ser aberto por qualquer programa que manipule arquivos ZIP (basta trocar sua extensão).


Restauração banco de dados (restore)

Esta página deve ser utilizada restaurar os dados de uma cópia de segurança efetuada anteriormente. Aqui você deverá fornecer os seguintes dados antes de restaurar uma cópia de segurança:

  • Nome e local do backup: aqui você deve informar o nome e o local onde está armazenado o arquivo de backup. Você pode informar diretamente o nome do arquivo desejado ou então usar clicar no botão  para localizá-lo.
  • O arquivo está criptografado pela senha: se quando você efetuou a cópia de segurança forneceu uma senha para criptografia dos dados, você precisará informar a senha que foi fornecida para que seja possível restaurar o backup. Neste caso você deverá ativar esta opção e digitar a senha no campo ao lado deste. Se o backup não foi criptografado, não precisa ativar este campo.
  • Restaurar apenas o banco de dados corrente: se no arquivo selecionado foi efetuado o backup de todos os bancos de dados do servidor, esta opção retornará apenas os arquivos da empresa selecionada no momento.
  • Restaurar todos os bancos de dados que estiverem no arquivo de backup: esta opção restaurará todos os bancos de dados que estão no arquivo de backup selecionado (tanto da empresa selecionada no momento quanto das demais empresas que possam existir no backup).
  • Restaurar as configurações do sistema: Se você marcar esta opção o Hipercusto restaurará as configurações do sistema. Se ela ficar desativada, apenas os dados serão restaurados e as configurações atuais serão preservadas.
  • Restaurar o cadastro de usuários e o arquivo de auditoria de uso (LOG) do sistema: o arquivo de usuários nunca deve ser restaurado pois se eles modificaram sua senha de acesso ao sistema após o backup ter sido executado, eles poderão ter dificuldade para carregar o sistema. Se você marcar essa opção o sistema restaurará também o cadastro de usuários assim como o arquivo de auditoria de uso.
  • Restauração parcial do banco de dados: se você marcar essa opção, poderá indicar quais tabelas do sistema devem ser restauradas (para isso, deverá clicar no botão Selecionar tabelas que devem ser restauradas"  e selecionar as tabelas desejadas, sendo que esse botão só estará visível quando essa opção estiver ativa).
  • Os arquivos que devem ser restaurados estão descompactados na pasta informada: se por acaso os arquivos do backup estão salvos sem compressão na pasta informada (primeira opção dessa tela), você deverá marcar essa opção para que o sistema os reconheça (normalmente o Hipercusto procurará um arquivo compactado de backup).


Após ter fornecido os dados acima, você deve clicar no botão "Iniciar a restauração da cópia de segurança" para iniciar o processo de restauração do banco de dados ou no botão "Retornar ao menu do Hipercusto". 


Antes de iniciar o processo de restauração serão exibidas algumas mensagens/telas de confirmação para certificar-se de que você não selecionou a restauração por engano.




  • O Hipercusto não poderá estar sendo executado por nenhum outro usuário ou carregado em nenhuma outra estação da sua rede para que a restauração da cópia de segurança possa ser concluída com sucesso.
  • Ao restaurar uma cópia de segurança, você perderá todos os dados que foram cadastrados no sistema após o backup ter sido efetuado.
  • Para que a restauração possa ser efetuada, sua conta de usuário precisa ter direito de gravação na pasta onde a cópia de segurança foi criada, pois ele usará esta pasta como local de trabalho para descompactar os arquivos gravados no backup.
  • Se o backup estiver em um CD ou DVD, copie os arquivos para o disco rígido antes de iniciar o processo de restauração.
  • O Hipercusto identificará, automaticamente, o formato da criptografia utilizado (padrão, AES 128, AES 192 e AES 256) e, por isso, não é preciso informar o padrão em que o arquivo foi gerado.