A opção "SQL Engine" permite ativar e desativar o mecanismo de processamento das consultas. Nesta tela estarão disponíveis as seguintes opções:


  • Active: indica se o mecanismo de processamento de consultas está ou não ativo (nunca o desative, pois se o fizer o Hipercusto não conseguirá efetuar consultas no banco de dados).
  • Event Log Enabled: define se as consultas SQL enviadas para o servidor deverão ser armazenadas em uma tabela ou arquivo no banco. Esta opção deverá ser ativada apenas se o Depto. de Suporte da NatSam solicitar, pois ela poderá criar arquivos que com o tempo poderão ocupar todo o espaço em disco do servidor.
  • Statement Log Table Name: indica se as informações de Logging deverão ser gravas em uma tabela no banco de dados (se ativado) ou em um arquivo em disco (se desativado).
  • Statement Loggging: ativa o modo de registro das operações realizadas no banco de dados, onde cada comando ou instrução enviada ao servidor será registrada no arquivo informado.
  • SQL Script Folder: indica a pasta onde os scripts SQL devem ser gravados.


Após efetuar qualquer modificação, clique no botão "Save Changes" para registrá-las ou então em "Reset Values" para retornar aos valores definidos anteriormente.



  • Nunca desative a opção Active, caso contrário o Hipercusto deixará de funcionar.
  • Nunca ative a opção "Statement Loggin" e "Use Field Cache", exceto se for solicitado pela equipe de suporte da NatSam.